Votação apertada na aprovação da suspensão dos contratos dos cobradores do transporte coletivo

por everton publicado 14/08/2020 14h23, última modificação 14/08/2020 14h23
O resultado foi 7 a 5 para a continuidade da suspensão. Os trabalhadores deverão voltar no dia 01 de outubro.
O Jornal de Beltrão publicou no dia 04 deste mês que a empresa Guancino Transportes Coletivos já tinha conseguido a prorrogação da suspensão dos contratos dos cobradores por mais 60 dias. Entretanto, a confirmação desta possibilidade só se concretizou nesta semana, quando os vereadores discutiram e aprovaram, por maioria de votos, a autorização dessa medida. O pedido foi encaminhado à Câmara de Vereadores, pelo Executivo Municipal no dia 16 de julho. Passou pelas comissões e entrou na pauta nas sessões desta semana. Na sessão, alguns vereadores se manifestaram e não gostaram da antecipação feita pelo Jornal de Beltrão. Quando o presidente José Carlos Kniphoff(PDT)- que não vota - colocou em votação, os vereadores Ademir Walendolff(PSB), Aires Tomazoni(MDB), Camilo Rafagnin(PT), Daniela Celuppi(PT) e Dile Tonello(PV) foram contrários a continuidade da suspensão dos contratos. Enquanto que os vereadores Elenir Maciel(PP), Léo Garcia(PSC), Silmar Gallina(PSDB), Paulos Grohs(PSDB), Lurdes Pazzini(PSDB), Rodrigo Inhoatto(PP) e Evandro Wessler(Cidadania) foram favoráveis.
Com isso, os contratos dos 16 cobradores do transporte coletivo urbano de Francisco Beltrão continuam suspensos desde o dia 01 de junho até 30 de setembro, devendo voltar ao trabalho a partir de 01 de outubro. Neste período, os salários continuarão sendo pagos pelo Governo Federal.
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.